Mea culpa

Nunca mais cá vim mas lembro-me do pelele todos os dias. Tenho passado os dias entre entrevistas, telefonemas de “por favor fale lá comigo que eu sou uma pessoa fofinha e estou quase a ir-me embora” e caracteres, aos milhares. No tempo que me resta, apetece-me queimar os últimos cartuxos a conversar – e profundos que têm sido os balanços e os diálogos do adeus -, beber minis e pregar sustos à Susana :) Depois não tenho tido luz em casa, nem água, nem Internet e dá-me preguiça de continuar à luta com o computador. É isto.

Estou com aquela sensação de estar quase a cortar a meta e ainda ter tanto para dizer.  A ver se esta semana me redimo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s