Parabéns, mãe!

MãeSão 50 e eu devia estar aí, bem sei. Mas quem comemora 50 também comemora 50 e um mês. Não te livras de me pagar o jantar, era o que mais faltava! Gosto muito de ti. Às vezes andamos mais às avessas do que às direitas exactamente por isso: porque gostamos muito uma da outra. E a farinha vem do mesmo saco.

Parabéns, mãe! Pelos 50, mas sobretudo pela força, pela paixão que tens pela vida, por me teres ensinado que as limitações importam, claro, mas não impedem ninguém de ser feliz, de ser alegre quase todos os dias. Por teres tido a coragem de me ter, de me educar, de me aturar quando estou com a boneca, que bem sabemos não ser tarefa nada fácil.

Já viste a sorte que tenho? Há quem tenha cantores de rock, filósofos e poetas como ídolos. O meu vive mesmo ali lado, à distância de um beijinho, de um abraço ou de um “chega para lá que já estás a ser chata”.

Já paravas de chorar, não? És mesmo previsível, chiça! Vai mas é pôr-te bonita e aproveitar o teu dia.

Obrigada por tudo, mãe.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s